Governação

O CLUSTER TÊXTIL: Tecnologia e Moda não dispõe de personalidade jurídica, baseando as suas atividades operacionais no CITEVE – Centro Tecnológico das Indústrias Têxtil e do Vestuário de Portugal. Contudo a sua orientação estratégica é levada a cabo por uma estrutura de governação com independência estratégica, mas articulada com o Centro Tecnológico.

A governação das atividades do Cluster é assegurada por 4 órgãos: Assembleia Geral de Membros, Grupo de Alto Nível, Grupos de Interesse Especial e Estrutura Executiva e Operacional.

Grupo de alto nível (HLG)

Conjunto de empresários e entidades de referência empenhados no reconhecimento e valorização do CLUSTER TÊXTIL: Tecnologia e Moda, com funções fundamentais de Advisory Group e face visível do agregado, nomeadamente em ações de lobby e comunicação. É constituído por 7 elementos:

António Falcão / Administrador Grupo António Falcão
Braz Costa / Diretor-geral CITEVE
Fernando Merino / Diretor Inovação ERT
Clementina Freitas / Diretora Geral LATINO
Isabel Furtado / Vogal da Direção ATP
Manuel Gonçalves / Administrador TMG
Paulo Melo / Administrador Somelos

 

Grupos de Interesse Especial (SIG)

Grupos temáticos de reflexão e de formulação estratégica em torno dos pilares estruturantes de intervenção do CLUSTER TÊXTIL: Tecnologia e Moda, a saber:

Talentos, formação e educação;
ID&I e Sustentabilidade;
Criatividade e Moda;
Internacionalização e acesso a mercados públicos;
Interclustering – Cross sectorial approach.

Estes grupos constituem um instrumento participado de intelligence, de formulação de apostas coletivas e de monitorização de ações. Têm ainda como missão o aconselhamento da estrutura executiva e operacional de governação em temas relacionados com a sua área de especialidade.

São constituídos por membros do cluster especialistas em diferentes áreas de conhecimento.

 

Estrutura Executiva e Operacional

A Estrutura Executiva e Operacional de Governação é constituída por colaboradores do CITEVE e tem como funções:

Dinamizar o contacto e articulação, colaboração e partilha de informação entre os sócios do cluster, designadamente em atividades não cobertas pelos membros;

Promover da imagem do Cluster quer nacional quer internacionalmente;

Promover a monitorização dos resultados e impactos das ações alinhadas com a estratégia do Cluster.

Subscreva a nossa Newsletter

Para utilizar o nosso website deve aceitar a nossa Política de Privacidade
| Mais informações